Brasil, 
22 de abril de 2024
Sorteados

Confira os ganhadores,
cadastre-se e
concorra a prêmios!
Indique este site para um amigo
Seu e-mail:

E-mail do seu amigo:

Ecobanner 1
A A
MARKETING SUSTENTÁVEL

A EcoDivulgue, empresa que apoia projetos sustentáveis, fala sobre o Marketing Sustentável. 22/03/2012.

          São tantas as associações de outras palavras à palavra "Marketing", que chego a ficar confusa com tantas denominações. Quando falamos de Marketing Sustentável, podemos também denominá-lo Eco-marketing, Marketing Ecológico e por aí vai. O nome não importa tanto quanto o objetivo co-relacionado às atividade de marketing que, nesse caso, são voltadas
conceitos sustentáveis.

           De acordo com Cides (p. 14), Marketing é o conjunto das atividades que fazem com que sua empresa venda mais e com maior lucratividade. Esse é o marketing clássico, que é bem
diferente do marketing sustentável. Segundo Juliana Antunes do site Sustentabilidade Corporativa, um mito que povoa a mente dos consumidores é que para uma empresa ser
sustentável, ela tem de comercializar produtos sustentáveis. Não necessariamente. Mas
quando falamos de sustentabilidade corporativa, o que realmente deve interessar são os
processos de negócio de uma empresa em alinhamento com os conceitos de sustentabilidade.
Para explicar a relação do marketing com conceitos sustentáveis, vou contar uma história:
No final de 2009, criei um projeto sustentável para uma empresa, chamada “Countdown to
Sustainable 2010” (Contagem regressiva sustentável para 2010). O projeto visava apresentar
aos clientes e colaboradores as ações sustentáveis que já existiam dentro dessa empresa e
criar novos diante de tantas oportunidades que ali existiam. Apresentar-se como Empresa
Sustentável
, na época, era o diferencial para o mercado que a empresa enfrentaria no ano
seguinte. Dito e feito! Em 2010, a mídia, feiras e eventos estavam todos centrados no tema da
sustentabilidade.

           De fato, essa empresa seguia a risca os conceitos e práticas sustentáveis e possuía
diferenciais quanto aos seus concorrentes sobre esse tema. Por isso, a ação de Marketing no
conceito sustentável era a melhor opção para o momento. Entre parênteses: sou contra ao
marketing da hipocrisia, ou seja, se a empresa não tem conceito sustentável, não está disposta
a inovar-se em prol da sustentabilidade, jamais deveria divulgar ser o que não é. Um motivo
para não tomar tal ação é pela falta de ética e outra pela proteção a reputação da marca.
Sempre: Proteja seu nome e deixe claro quem você é. (Kotler, p. 199)

COMO “SER SUSTENTÁVEL”?

          É claro que ser sustentável num mundo onde o consumo e as pessoas valem pelo que elas consomem e pelo que têm e não pelo que são e pelos exemplos que produzem, tem os seus obstáculos e seus inconvenientes.

           Mas, vale a pena ser sustentável. Aliás, qualquer empresa pode basear seu negócio em
conceitos sustentáveis. Centrar seu negócio em ações sustentáveis quer dizer que as ações
corporativas (produção, processos, etc) buscam e minimizam ao máximo os impactos
ambientais que podem ocorrer com suas atividades. Além disso, as empresas que vendem
serviços, ou seja, não fabricam produto físico, podem adotar conceitos da sustentabilidade apoiando projetos ecologicamente corretos, adquirindo brindes ecológicos para entregar aos
seus clientes e colaboradores, plantando árvores no jardim da empresa, evitando poluição
visual, economizando papel, usando a mídia digital (divulgação de produtos e serviços via
internet), entre outras atividades que valem muito como ação sustentável e as tornam
diferentes na visão do mercado consumidor.

A ESTRATÉGIA DE MARKETING SUSTENTÁVEL

          Uma estratégia de marketing sustentável corporativa significa fazer com que, ao mesmo tempo, a empresa que gera lucros passe a causar impacto na sociedade em que estas atuam.
Ainda existem dificuldades corporativas em envolver seus conceitos sustentáveis às suas
estratégias de marketing. Outra dificuldade é de se encontrar a melhor forma de divulgar aos
seus consumidores/ clientes e colaboradores seus Valores e passar efetivamente a mensagem
do quanto é importante, para o mundo de hoje, ser sustentável.

           A comunicação neste sentido, deve gerar atividades funcionais, emocionais e espirituais juntos aos clientes. O consumidor, em sua maioria, tem o objetivo de encontrar bom preço e um
pouco de qualidade. O papel da empresa é mudar seus objetivos junto dos seus clientes,
passando este a ser o “de fazer um mundo melhor”.

           O marketing sustentável tem uma visão voltada para Valores onde deve haver interação da
empresa com seus clientes e consumidores, colaborando de um-para-muitos, garantindo assim o futuro corporativo e de muitas famílias.

Plantar uma árvore, não é tudo que você pode fazer. Seja sensível às mudanças e esteja pronto para se transformar em um “ser sustentável”, essa é a tendência do mercado.

Artigo de Caroline Cunha Frutuoso Belomo.
Para saber mais: http://www.ecodivulgue.com.br/
Para conhecer produtos da Ecoloja: https://www.ecoloja.art.br


BIBLIOGRAFIAS

KOTLER, P. Marketing 3.0: as forças que estão definindo o novo marketing centrado no ser
humano. Rio de Janeiro: Elsevier, 2010.
CIDES, S. J. Marketing para negócios de sucesso. São Paulo: Universo dos livros, 2009.
ANTUNES, J. Um papo sério sobre comunicação sustentável. In:
http://www.sustentabilidadecorporativa.com, acessado em 13 de Fevereiro de 2012.


.

Newsletter
Digite seu e-mail: