Brasil, 
24 de maio de 2022
Sorteados

Confira os ganhadores,
cadastre-se e
concorra a prêmios!
Indique este site para um amigo
Seu e-mail:

E-mail do seu amigo:

Ecobanner 1
A A
Garças Brancas.

Saiba diferenciar as 3 garças brancas.

         As garças são admiradas principalmente pela sua coloração branca, habilidade em caçar peixes e jeito de andar. Podem ficar horas paradas, imóveis, em águas rasas à espera de um peixe. A maioria das espécies de garças possui penas brancas cobrindo todo corpo e pescoço longo. Os bicos grandes das garças podem variar de cor dependendo da espécie. Porém, as cores de bicos mais comuns são amarela, marrom e preta. Vivem em regiões tropicais e subtropicais de todos os continentes, exceto Antártida. Encontradas em áreas próximas a rios, lagos, praias marítimas, manguezais e estuários.
 

         Uma das principais características desse grupo é a de voarem com o pescoço encolhido, ao contrários de outras aves.

         As principais espécies de garças brancas encontradas no Brasil são:

Garça-branca-grande  - Ardea alba: como o nome diz, é todinha branca, com a exceção do bico que é amarelo e pernas e dedos negros. É considerada a mais comuns das garças, sendo encontrada em quase todo o planeta. No Brasil podemos observá-la o ano todo nas margens dos rios e lagos, inclusive nos rios que cortam as cidades. Forma bandos numerosos, inclusive nos períodos de nidificação. Alimenta-se de peixes, anfíbios, crustáceos e invertebrados aquáticos Pode chegar a 90cm.


Garça-branca-pequena
- Egretta thul:  difere das outras garças-brancas por apresentar o bico e pernas escuras e com dedos amarelos. Como essa garça pode ser observada junto com a garça-branca-grande, é confundida como sendo o filhote. Vive sempre próxima a ambientes com água, inclusive em costões rochosos á beira-mar.  No período reprodutivo machos e fêmeas apresentam plumagem nupcial (penas eriçadas) no alto da cabeça, no dorso e no peito. Alimenta-se basicamente de peixes e invertebrados aquáticos.60cm


 

Garça-Vaqueira - Bulbucos  íbis: comum nas pastagens brasileiras, muitos desconhecem o fato dessa espécie ser originária do continente africano, tendo vindo para o Brasil na década de 1960, adaptando-se e colonizando rapidamente todas as regiões do Brasil.  Possui a plumagem totalmente branca, com o bico, a Iris e as pernas amarelos. O adulto, na época reprodutiva apresenta penas amareladas no alto da cabeça. É chamada de vaqueira por está sempre associada ao gado, pois alimentam-se dos insetos espantados durante o deslocamento e pastagem do gado. Também formam dormitórios coletivos, chegando a centenas de indivíduos. Chega a medir 49cm.
 

 

A observação de aves é uma prática estimulada em todo mundo e que pode trazer grande prazer e descontração.

Fotos  dos Guias de Campo:
             Aves da Grande São Paulo - Edson Endrigo
            Observado as aves nas áreas verdes de Sorocaba e Região - Luciano Bonatti Regalado

 

Newsletter
Digite seu e-mail: